aerOPOrto


Transavia recupera Munique a partir do próximo Verão
30 Novembro 2015, 16:58
Filed under: MUC, Munique, OPO, Porto, Transavia, Verão IATA S16

TO_B

A Transavia anunciou hoje a abertura de uma base operacional em Munique, e com ela 3 voos semanais entre a capital da Baviera e o Porto. Com início marcado para o dia 27 de Março 2016, as ligações serão efectuadas às 3ªf, 5ªf e Domingos com equipamento Boeing 737-800 de 189 lugares. Munique eleva para 6 o número de destinos directos servidos pela companhia do Grupo AF-KLM no Francisco Sá Carneiro.

A Transavia será a 3ª companhia a tentar entrar no mercado Porto-Munique, depois da Lufthansa e da Sata. A companhia alemã operou a ligação na década passada apenas durante uma temporada, tendo depois deslocalizado esse voo diário para Frankfurt aproveitando o abandono dessa rota por parte da TAP. Já a Sata manteve-se durante 3 anos, mas sempre com uma operação insuficiente e que acabou por ser cancelada no passado mês de Outubro. Entre capacidade perdida com a retirada da Sata e capacidade nova introduzida pela Transavia, o saldo será de +14.500 lugares, um valor que se pode considerar conservador para um mercado (Porto-Baviera) de aproximadamente 90.000 passageiros anuais.

A abertura da base em Munique também é relevante, uma vez que fazia parte do projecto Transavia Europe que o Grupo AF-KLM pretendia criar em 2014 e que incluía uma base no Porto. Impossibilitados de criar essa nova filial depois de uma longa greve de pilotos da Air France, o grupo decidiu simplificar e utilizar a filial Holandesa para montar a operação em Munique com a concordância dos sindicatos. Em teoria isto aumenta a probabilidade da Transavia estabelecer finalmente uma base no Francisco Sá Carneiro, no entanto, o problema do projecto Transavia Europe sempre foi o medo de que a companhia se deslocalizasse para Portugal, que por ter um custo de vida muito mais baixo que no centro da Europa permite à empresa oferecer salários mais baixos aos seus funcionários.

HV_B738_PH-HZI

A rejuvenescida imagem da Transavia num dos Boeing 737-800 da companhia. Foto tirada por Michel van Bokhoven

Porto – Munique
De A Frequência Partida Chegada Nº voo Equipamento
27 Mar. 01 Mai. – – – – – – 7 09:35 13:25 HV 9228 Boeing 738
29 Mar. 03 Mai. – 2 – 4 – – – 09:30 08:20 HV 9228 Boeing 738
05 Mai. 26 Mai. – – – 4 – – – 09:20 13:10 HV 9228 Boeing 738
08 Mai. 29 Mai. – – – – – – 7 18:40 22:30 HV 9228 Boeing 738
10 Mai. 24 Mai. – 2 – – – – – 09:30 08:20 HV 9228 Boeing 738
31 Mai. – 2 – – – – – 08:55 12:45 HV 9228 Boeing 738
02 Jun. – – – 4 – – – 18:10 22:00 HV 9228 Boeing 738
05 Jun. – – – – – – 7 18:45 22:35 HV 9228 Boeing 738
Munique – Porto
De A Frequência Partida Chegada Nº voo Equipamento
27 Mar. 01 Mai. – – – – – – 7 07:00 08:50 HV 9227 Boeing 738
29 Mar. 03 Mai. – 2 – – – – – 06:55 08:45 HV 9227 Boeing 738
31 Mar. 28 Abr. – – – 4 – – – 06:50 08:40 HV 9227 Boeing 738
05 Mai. 26 Mai. – – – 4 – – – 06:45 08:35 HV 9227 Boeing 738
08 Mai. 29 Mai. – – – – – – 7 16:05 17:55 HV 9227 Boeing 738
10 Mai. 24 Mai. – 2 – – – – – 06:55 08:45 HV 9227 Boeing 738
31 Mai. – 2 – – – – – 06:25 08:15 HV 9227 Boeing 738
02 Jun. – – – 4 – – – 15:35 17:25 HV 9227 Boeing 738
05 Jun. – – – – – – 7 16:10 18:00 HV 9227 Boeing 738

_________________________________________________________________

1-Segunda-feira    2-Terça-feira    3-Quarta-feira    4-Quinta-feira    5-Sexta-feira    6-Sábado    7- Domingo

As horas são locais

Advertisements

7 comentários

Grande noticia! Existe a real possibilidade de a Transavia criar uma base no Porto?

Comentar por Serv

Depende, abrir Munique nunca foi o problema, o problema era abrir no Porto. Mas é um sinal positivo.

Comentar por Pete351

Pete, tu falas e bem do problema salaria/custo de vidal, que levou à greve na air france, mas se a base em Munique esta impedida de fazer voos para franca e holanda, pq nao fazem o mesmo cá? Ou achas que pode não compensar, uma vez que é França é o maior mercado desde o porto?

Comentar por zoficial

Não li nada que dissesse que estavam impedidos de o fazer, mas podia ser uma solução. Os únicos problemas que vejo a essa abordagem é não conseguirem meter voos à 1ª hora para Paris e/ou Amesterdão, que seriam importantes para eles, e a questão dos voos para a Madeira. De resto podem fazer com aviões de lá, embora os custos mais elevados dessa opção acabem por fazer com que a oferta seja menor do que poderia ser.

Comentar por Pete351

Como curiosidade, das novas rotas da base de Munique, a Lufthansa está em todas menos 2: Porto e Marrakesh (embora esteja a RAM).

Comentar por Pete351

Pete, aqueles slots extra pedidos pela LH eram para Munique, não eram? A rota fica sem efeito?

Comentar por João Ferreira

É possível, mas se for também pode ser só para “encher” lá, não é vinculativo como sabes.

Comentar por Pete351




Os comentários estão fechados.